Política de utilização de Cookies em Revista Saúda Este website utiliza cookies que asseguram funcionalidades para uma melhor navegação.
Ao continuar a navegar, está a concordar com a utilização de cookies e com os novos termos e condições de privacidade.
Aceitar
4 setembro 2020
Texto de Irina Fernandes Texto de Irina Fernandes Fotografia de Pedro Loureiro Fotografia de Pedro Loureiro

Uma destilaria alentejana

​​​As visitas à herdade decorrem todo o ano.

Tags
Localizada em Vila Nova de Santo André, no concelho de Santiago de Cacém, a destilaria Black Pig faz uma homenagem ao gin e ao Alentejo. 

A destilaria produz gin – em duas variedades, o Gin Black Pig e o Gin Montado Alentejano, mas também aguardente de medronho e rum Ilha do Pessegueiro. 

«Promovemos um conceito que junta o Alentejo, os botânicos, e um ecossistema que é o montado alentejano. Somos produtores de porco alentejano, agregando sempre o bem-estar animal», explica o responsável pela marca, Miguel Ângelo Nunes.

Em 2007, a empresa iniciou-se na plantação de medronheiros, o primeiro pomar na costa alentejana. Aí nasceu o sonho de criar uma destilaria. Na herdade, o visitante tem à sua espera múltiplas experiências: provas de gin, passeios e caminhadas, colheita de botânicos – de origem biológica, seleccionados e colhidos na região – e interacção com animais. 

«Temos também o trilho do gin, que são dois quilómetros ao longo da herdade. Ao percorrer o trilho, as pessoas podem conhecer todos os extractos naturais usados na preparação da bebida», adianta o proprietário. Em 2019, o Gin Black Pig foi o mais premiado da Europa.

Para conhecer mais desta história, peça a #RevistaSaúda deste mês na sua farmácia.​​​