Política de utilização de Cookies em Revista Saúda Este website utiliza cookies que asseguram funcionalidades para uma melhor navegação.
Ao continuar a navegar, está a concordar com a utilização de cookies e com os novos termos e condições de privacidade.
Aceitar
5 maio 2022
Texto de barriga&bebé (www.barrigaebebe.pt) Texto de barriga&bebé (www.barrigaebebe.pt)

A chegada do bebé

​​​​​​​Prepare tudo para receber o novo membro da família.​

Tags
A dias de conhecer o filho, as famílias preparam-se. Na famosa “mala da maternidade”, a mãe leva as primeiras roupinhas, as fraldas, os produtos de higiene e, por vezes, até o primeiro brinquedo.

De prontidão, em casa, estão já o berço, o móvel para mudar as fraldas e a banheira, aptos a propiciar momentos de conforto e bem-estar. As gavetas do quarto estão recheadas de fraldas. Na casa de banho ou no quarto do bebé alinham-se loções e cremes. Na cozinha foi reservado espaço para biberões e afins.

A PRIMEIRA VIAGEM
Se a viagem da maternidade para casa for feita de carro, o bebé deve ser transportado numa cadeira adequada para recém-nascidos. Nesta fase, o bebé tem a cabeça muito pesada para um pescoço ainda frágil, por isso deve viajar sempre voltado para trás, para que, em caso de acidente, a cabeça, o pescoço e as costas sejam uniformemente amparados pela cadeira. Até aos 13 kg, as mais seguras são as do grupo 0+. Geralmente são portáteis e instalam-se sempre viradas para a traseira do carro, fixas pelo cinto de segurança de três pontos. O bebé viaja assim mais seguro, aconchegado e mais confortável do que nas alcofas para automóvel ou ao colo. 

A PARAFERNÁLIA DO LEITE
Há produtos incontornáveis, como os biberões. Ao amamentar, a mãe pode ter mais leite do que o necessário para suprir as necessidades do bebé, situação que pode conduzir ao ingurgitamento da mama. É aconselhável retirá-lo com a ajuda de uma bomba própria. O leite pode ser guardado em biberões de plástico e oferecido na refeição seguinte ou numa refeição em que a mãe esteja ausente. É útil ter acessórios para esterilização e limpeza dos biberões, como um esterilizador e uma escova própria.

A HIGIENE DO BEBÉ
O banho é um dos momentos mais apreciados pelo bebé, simbolizando o seu regresso ao ambiente uterino: a água, a temperatura amena e o contacto pele a pele contribuem para esse prazer. 

Um bom banho requer alguns cuidados na seleção dos produtos e acessórios. Desde logo, a banheira, que deve oferecer estabilidade e segurança. Os produtos devem ser hipoalergénicos, sem álcool e preferencialmente sem perfume, adequados à pele dos recém-nascidos, ainda imatura e, por isso, vulnerável à mínima agressão. Para o corpo é aconselhável um produto que se misture na água e com o qual se possa lavar também a cabeça, dado que o uso de champô só é aconselhável mais tarde.

Dos cuidados posteriores deve fazer parte um óleo ou leite hidratante, aplicado com uma massagem, resultando noutro momento de grande intimidade entre os pais e o bebé. 

Para gestos delicados, as compressas são essenciais: na limpeza dos olhos, para passar o soro fisiológico estéril em unidoses; no cuidado com o cordão umbilical (que cai ao fim de poucos dias), para passar o álcool a 70°. 

Para cortar as unhas, existem limas e tesouras próprias para bebés, estas últimas com um limitador que evita acidentes. Para pentear, há escovas macias que preservam a fragilidade das fontanelas.

A higiene passa também pela muda da fralda e, como complemento, são normalmente necessários toalhetes sem álcool e um creme barreira ou unguento, próprios para manter a pele da zona da fralda saudável e prevenir assaduras (eritema da fralda).

Em casa onde há um recém-nascido há quase sempre uma chupeta, para acalmar o bebé... e os pais. Se a mãe for amamentar, o ideal será o contacto com a chucha não acontecer antes de o bebé estar adaptado à mama, sob pena de atrasar a aprendizagem. A escolha da chupeta deverá recair sobre uma que simule o mamilo materno.

Estas são opções a tomar antes do nascimento, para depois desfrutar ao máximo do novo membro da família.
Notícias relacionadas