Política de utilização de Cookies em Revista Saúda Este website utiliza cookies que asseguram funcionalidades para uma melhor navegação.
Ao continuar a navegar, está a concordar com a utilização de cookies e com os novos termos e condições de privacidade.
Aceitar

Desconfortos do Pós-Parto

Durante a gravidez o corpo transforma-se para poder receber e transportar o bebé.

 

Contudo, mesmo depois do parto, continuam a ocorrer alterações físicas e é normal aparecerem alguns desconfortos, que podem interferir com o bem-estar da mãe.

Por vezes, podem ser sinais ou sintomas de problemas de saúde que precisam de tratamento, pelo que o acompanhamento médico nesta fase é essencial.

 

  1. Edemas dos membros inferiores – O inchaço das pernas e pés que pode ocorrer durante a gravidez, pode prolongar-se após o parto.

O que fazer?

  • Eleve as pernas;
  • Não use roupas apertadas;
  • Finalize o duche com jatos de água fria nas pernas e pés durante 1 a 2 minutos;
  • Pode encontrar na sua farmácia meias de compressão que podem ajudar a aliviar o edema, aconselhe-se com o seu farmacêutico.

 

  1. Incontinência urinária – A perda involuntária de urina pode surgir após o parto devido ao relaxamento da musculatura perineal (conjunto de músculos que suporta o aparelho digestivo, urinário e genital), contudo deverá ser passageira.

O que fazer?

  • Beba muita água;
  • Evite qualquer fonte de pressão (estar de pé durante muito tempo, viagens de carro longas, pegar em objetos pesados);
  • Reeduque a musculatura perineal com a ajuda de um profissional. Os exercícios de Kegel (contrair e descontrair os músculos perineais) podem ajudar.

 

  1. Obstipação – A dificuldade ou incapacidade em evacuar pode ocorrer durante alguns dias depois do parto, sendo muitas vezes reforçada pela presença de hemorroidas e pelo medo de que ocorra abertura da sutura perineal (costura do corte cirúrgico feito no períneo, região muscular que fica entre a vagina e o ânus).

O que fazer?

  • Beba mais água e faça uma alimentação rica em fibra;
  • Faça pequenas caminhadas.

 

  1. Hemorroidas – As veias dilatadas do canal anal que podem ser causadas não só pela gravidez, mas também pela força exercida durante o parto.

O que fazer?

  • Aplique gelo protegido várias vezes ao dia;
  • Alterne aplicação de água fria e morna no local da hemorroida;
  • Mantenha a função intestinal regular;

 

  1. Dores nas costas (lombalgias) – Deve evitar posições incorretas.

O que fazer?

  • Mude as fraldas e dê banho ao bebé num plano ao nível da cintura (nunca curvada);
  • Amamente numa posição confortável recorrendo, se necessário, a uma almofada;
  • Faça exercícios de extensão da coluna e de fortificação da musculatura seguindo um plano de exercícios adequado.

 

Aconselhe-se sempre com o seu médico ou farmacêutico antes de tomar qualquer medicamento para tratar qualquer desconforto. Se está a amamentar, alguns medicamentos podem não ser seguros para o seu bebé.