Política de utilização de Cookies em Revista Saúda Este website utiliza cookies que asseguram funcionalidades para uma melhor navegação.
Ao continuar a navegar, está a concordar com a utilização de cookies e com os novos termos e condições de privacidade.
Aceitar

Água, fonte de hidratação e bem-estar

A água é um bem essencial à vida, representando cerca de 60 a 70% da composição corporal.

 

Portanto, não é de estranhar o papel importante que tem no suporte de funções vitais, como:

  • Regulação da temperatura corporal;
  • Digestão;
  • Transporte de nutrientes;
  • Circulação sanguínea;
  • Formação de urina e eliminação de substâncias tóxicas pelos rins.

Todos os dias ingerimos água, em bebidas como chás e leite, ou através de alimentos, como frutas, verduras, sopas, entre muitos outros. Mas também a perdemos diariamente, pela urina, pelas fezes, transpiração e, até, pela respiração. Para compensar estas perdas, é preciso hidratar regularmente o organismo.

Assim, para manter-se sempre hidratado:

  • Aumente a ingestão de água ao longo do dia. A ingestão de água deve ser frequente, antecipando a sensação de sede. Andar com uma garrafa de água pode ajudar a relembrar a ingestão de água ao longo do dia.

A quantidade de água a ingerir diariamente depende de fatores como a idade, sexo, profissão, tipo de alimentação, temperatura ambiente, entre outros. Contudo, recomenda-se um consumo diário de 1,5l para mulheres e 2l para homens;

  • Dê sabor à sua bebida. Pode aromatizar a sua água, de forma natural, adicionando: um pedaço de fruta (como o limão ou laranja), hortícolas (como o pepino), especiarias (como a canela) ou ervas aromáticas (como a hortelã);
  • Opte por alimentos sólidos ricos em água, como frutos e hortícolas, cozinhados ou em cru;
  • Faça refeições leves e frequentes e evite refeições muito condimentadas (exemplo: alimentos picantes e com elevadas quantidades de sal);
  • Evite as horas de maior calor. A exposição prolongada ao sol pode trazer inúmeros problemas, entre eles a desidratação. Se for à praia, passear ou realizar alguma atividade ao ar livre, opte pelos períodos da manhã, até às 11h, ou depois das 17h. Nos dias de maior calor, a ingestão de água deve ser superior ao habitual;
  • Beba água antes, durante e depois da prática de atividade física;
  • Evite bebidas alcoólicas, excessivamente açucaradas (como os refrigerantes) ou com cafeína, em particular no verão. Em vez de hidratarem, contribuem para a perda de água;
  • Monitorize o consumo de água. A cor da urina pode ser um indicador do estado de hidratação. Esta deve ser abundante, incolor ou amarelo claro e inodora.

É, por isso, errado esperar pela sede para beber água! A sede é precisamente o primeiro sinal de desidratação.