Política de utilização de Cookies em Revista Saúda Este website utiliza cookies que asseguram funcionalidades para uma melhor navegação.
Ao continuar a navegar, está a concordar com a utilização de cookies e com os novos termos e condições de privacidade.
Aceitar

Diabetes: Cuidados a ter em viagem

Quer viajar sem preocupações? Saiba os cuidados básicos a ter com os seus medicamentos e usufrua ao máximo das suas férias.

Embora não tenha cura, a diabetes tem ser controlada com terapêutica farmacológica, de forma a vigiar a glicemia e assim evitar complicações futuras. É importante compreender que se o tratamento for interrompido, a diabetes pode ficar descompensada. Assim, quando viajar, o diabético deve ter alguns cuidados:

> Fazer-se acompanhar do cartão de identificação de diabético, insulina, lancetas, tiras de teste e o caderno de registo;

> Se viajar para a Europa, deve, num período anterior à viagem, dirigir-se à segurança social e pedir o Cartão Europeu de Seguro de Doença. Se precisar de assistência médica tem os mesmos direitos dos cidadãos desse país;

> Manter os medicamentos, a insulina e outros dispositivos na embalagem original e com o rótulo visível;

> Todo o equipamento deve seguir na bagagem de mão – além de poder perder a bagagem, a insulina altera-se quando transportada no porão;

> No bolso deve ter sempre pacotes de açúcar, bolachas ou rebuçados para comer em caso de hipoglicemia;

> Tomar os medicamentos certos na hora certa, com rigor e como indicado pelo seu médico;

Antes de viajar, aconselhe-se na sua farmácia, que está sempre perto de si. Esclareça as suas dúvidas com o farmacêutico, garantindo que, mesmo no estrangeiro, a sua terapêutica é eficaz.

Se, quando em viagem, tiver alguma questão, dirija-se à farmácia mais próxima ou contacte o seu médico ou farmacêutico.

Boas férias!