Política de utilização de Cookies em Revista Saúda Este website utiliza cookies que asseguram funcionalidades para uma melhor navegação.
Ao continuar a navegar, está a concordar com a utilização de cookies e com os novos termos e condições de privacidade.
Aceitar

O que são os soluços e truques para os parar

Já lhe aconteceu, a meio de uma refeição maior, ser interrompido por uma sensação de pressão no peito, seguida de um característico som “hic”?

 

Esta é a descrição clássica de soluço, um fenómeno que, muitas vezes, se repete durante alguns minutos, mas que, por norma, se resolve por si.

Na maioria dos casos, os soluços surgem após:

Refeições mais pesadas;

– Consumo de bebidas alcoólicas e/ou com gás;

– Mudanças repentinas de temperatura;

– Consumo de rebuçados, pastilhas e outros doces que favoreçam a ingestão de ar.

A ansiedade, o stress e situações de excitação em geral (associadas a emoções fortes) também têm sido associados à ocorrência de soluços, bem como a cirurgia abdominal (da barriga) e outras cirurgias que envolvam anestesia geral.

 

Mas afinal o que são os soluços?

Os acontecimentos referidos acima podem originar contrações involuntárias do diafragma, um músculo que separa os órgãos da cavidade torácica (peito) dos órgãos da cavidade abdominal (barriga) – sendo estas contrações os soluços!

O diafragma tem um papel muito importante na respiração. Por isso, é natural que, quando tem soluços durante mais tempo, estes interfiram com ações simples do dia a dia, tais como falar, comer e dormir. Assim, pode ser útil conhecer alguns truques para os parar! A próxima vez que tiver soluços, experimente as seguintes opções:

  • Respire para dentro de um saco de papel (coloque-o apenas em torno da boca, nunca à volta de toda a cabeça);
  • Puxe os joelhos contra o peito e incline-se para a frente;
  • Beba pequenos goles de água;
  • Ingira uma pequena quantidade de açúcar granulado;
  • Morda um limão ou ingira uma pequena quantidade de vinagre;
  • Sustenha a respiração por um curto período de tempo.

Adicionalmente, sabia que existem formas de prevenir estes episódios? Evite:

  • Beber bebidas alcoólicas, com gás ou muito quentes;
  • Fumar;
  • Mastigar pastilhas elásticas;
  • Comer alimentos picantes;
  • Comer muito depressa;
  • Comer ou beber alimentos muito quentes e, imediatamente de seguida, alimentos muito frios (ou vice-versa).

Por fim, lembre-se que, embora os soluços se resolvam quase sempre em pouco tempo, nem sempre isto acontece. Assim, se os seus soluços durarem mais de 48h ou se estiverem a afetar seriamente a sua vida, não hesite em consultar um médico.